Câmara Institucional
Vacinação

Brasil já aplicou cerca de 520 milhões de doses contra Covid desde 2021

O Ministério da Saúde ressalta a necessidade do reforço anual da vacina contra a Covid-19

08/06/2024 13h59
Por: Redação
Fonte: Brasil61

A vacina contra a Covid-19 começou a ser aplicada no Brasil há pouco mais de três anos.

Desde então, foram cerca de QUINHENTAS E VINTE MILHÕES de doses da vacina monovalente e TRINTA E SEIS MILHÕES da bivalente no país, segundo o Vacinômetro do Ministério da Saúde.
 
Na avaliação do médico infectologista do Hospital de Base, do Distrito Federal, Tazio Vanni, o avanço da imunização mudou o cenário local da pandemia e foi importante para a diminuição dos casos graves de Covid-19. 

“O número de casos graves com certeza é bem menor do que comparado a 2020, quando a campanha vacinal ainda não tinha começado. Lembrando que essa vacina não impede que a gente se infecte, ela reduz a gravidade dos casos em quem se infecta. Por isso, a gente vê uma redução nos casos graves.” 

Desde janeiro de 2024, a vacina contra a Covid-19 faz parte do Calendário Nacional de Vacinação do SUS para crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade. 

A prioridade é proteger os grupos de alto risco e aqueles mais expostos ao vírus.

Ainda fazem parte do público prioritário da vacinação os idosos, gestantes, puérperas, pessoas com comorbidades e pessoas com deficiência permanente; os trabalhadores da saúde, indígenas, quilombolas, ribeirinhos, pessoas em situação de rua, pessoas privadas de liberdade, adolescentes e jovens cumprindo medidas socioeducativas.

O Ministério da Saúde ressalta a necessidade do reforço anual da vacina contra a Covid-19. Segundo as autoridades de saúde, a imunização é a principal medida de prevenção contra as formas graves da doença, hospitalizações e óbitos. 

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias