Seja Bem Vindo, hoje é Sbado, 21 de Outubro de 2017
Login: Senha:
PRINCIPAL O JORNAL CARTA NOTÍCIAS GALERIAS COLUNISTAS CONTATO
Fernando Locatelli


   AGRICULTURA
   ARTIGOS E OPINIES
   ASSOCIAES E SINDICATOS
   CHARGE
   CINCIA
   CINEMA
   CULTURA
   DESTAQUE
   ECONOMIA
   EDUCACO
   ELEIES
   ENTREVISTAS
   ESPORTE
   EVENTOS
   GERAL
   MEIO AMBIENTE
   MUNDO
   MSICA
   NATAL
   O LEITOR
   POLCIA
   POLTICA
   REGIO
   RELIGIO
   SADE
   SEGURANA
   SOCIEDADE
   TECNOLOGIA
   TEMPO
   TRNSITO
   VARIEDADES

Clique aqui e envie notcias, comunicados, opinies entre outros assuntos para o Leia Agora.

Palestra - Bill Gates e Buffett - Conselhos aos Jovens

Confira aqui a previsão do tempo da sua cidade e região!

Governo da Catalunha declara e suspende independência
11/10/2017
Governo da Catalunha declara e suspende independência
Carta Capital/Leia Agora

O presidente da Catalunha propôs a separação da Espanha, mas pediu que o Parlamento adie a declaração para abrir espaço a diálogo com Madri

O presidente separatista da Catalunha, Carles Puigdemont, confirmou nesta terça-feira 10 a declaração de independência da região diante Espanha, mas solicitou ao Parlamento regional que adie a decisão. Trata-se de um recuo feito pelo governante catalão em meio a um dos mais tensos momentos da relação entre a Catalunha e o governo de Madri.

"Vivemos um momento excepcional, de dimensões históricas", declarou Puigdemont diante dos parlamentares regionais, destacando que o "sim" pela independência venceu o controverso referendo realizado em 1º de outubro, que dividiu a sociedade catalã. "As urnas nos dizem sim à independência e é por este caminho que vou transitar", afirmou ele. "Assumo o mandato do povo para que a Catalunha se converta em um Estado independente em forma de República", afirmou.


Puigdemont destacou, entretanto, que diante das "consequências políticas" do referendo é necessário "reduzir as tensões". Assim, afirmou ele, é preciso que ocorra um diálogo com Madri. "Peço ao Parlamento que suspenda a declaração de independência para iniciar um diálogo nas próximas semanas", afirmou.


O governo da Espanha considerou que "não é admissível" a declaração de independência "implícita" formulada por Puigdemont, indicou à AFP uma fonte do governo. "Não é admissível fazer uma declaração implícita de independência para depois deixá-la em suspenso de maneira explícita", declarou um porta-voz.


Fonte: AFP/Carta Capital

Comentários (0)

Não há comentários ainda
_______________________________________________________________






Se a eleio ao Governo Gacho fosse hoje em quem voc votaria?
1 - Jos Ivo Sartori
2 - Tarso Genro
OBS: uma enquete, no tem valor cientfico.
Ver Resultados de outras Enquetes
1º Baile da Sede Zero
Início: 11/01/2014 - 23:30:00 horas 
Local: Ginásio São Cristóvão - FW  
Ginásio do São Cristóvão Animação: banda G10 Obs.: Cerveja SUB Zero a R$ 2 na nota, a noite toda
Mais Eventos
Total de acessos: 9496894
Desenvolvido por VirtualBit